NOVAS AQUISIÇÕES


Assim Nasceu Portugal
Livro II: A Vitória do Imperador
de Domingos Amaral

Editor: Casa das Letras

Edição ou reimpressão: abril de 2016

ISBN:


Sinopse

Em Guimarães, depois de se reconciliar com Afonso Henriques, uma aterrada Chamoa Gomes descobre que está grávida de outro homem, o que enfurece o príncipe de Portugal, que a expulsa do castelo. A atribulada paixão entre ambos vai viver uma nova provação, dolorosa e duradoura, mas nunca se extinguirá ao longo de mais de uma década onde as guerras são permanentes em duas frentes. Na fronteira sul do Condado Portucalense, enquanto os templários procuram a sagrada relíquia da Terra Santa, os muçulmanos vão lançar violentos ataques e os cristãos vão recusar a proposta pacificadora da princesa Zaida, que deseja casar-se com Afonso Henriques para unir a Andaluzia ao novo reino de Portugal. Numa convulsão sangrenta, Leiria e Tomar são destruídas pelo emir de Córdova, o príncipe Ismar, e a guerra contra este atingirá o seu auge na famosa batalha de Ourique, onde um milagre divino abençoa os portucalenses, que aclamam Afonso Henriques como o seu rei. Entretanto, e na fronteira norte, acima do rio Minho, há muito que prossegue a bélica e vingativa campanha do nobre galego Fernão Peres de Trava, repleta de tortuosos estratagemas e combates intensos, travados em Celmes, Tui e Cerneja e liderados pelo próprio rei de Leão e Castela, Afonso VII. O poderoso e sagaz primo direito de Afonso Henriques, além de se coroar imperador da Hispânia, tudo faz para derrotar o príncipe de Portugal, incluindo tentar seduzir a bela Chamoa…



Relacionados


Bestiário de Kafka

Uma coleção de contos de um dos maiores nomes da literatura mundial, todos eles protagonizados

+

Os Filhos da Clandestinidade

A odisseia das crianças enviadas secretamente para o outro lado da Cortina de Ferro. Álvaro

+

Descobri Que Estava Morto

"Descobri que Estava Morto" é um romance sobre a morte, «real», do autor. Ou melhor,

+

O Piolho Sabe Que

O piolho sabe isto, o piolho sabe aquilo. E nós sabemos que ele não sabe

+

Se as Maçãs Tivessem Dentes

Se as maçãs tivessem dentes, o que aconteceria? Morderiam-nos, claro! E se fizessem cócegas aos

+